About these ads

Tecnologia Sustentável

Tecnonogia Sustentável- Máquina de lavar roupa sustentável

máquina de lavar roupa sub-compacta que lava a roupa a vapor. Tempo de lavagem curto, não necessita detergente ou amaciante e utiliza menor quantidade de água e energia.

Casas compactas pedem por aparelhos que tenham um design eficiente. A Eco-Pod desenvolvida pelo designer australiano Simon Hedt é uma máquina subcompacta que lava roupas a vapor. O pequeno tamanho, não prejudica em nada o seu desempenho. Ao contrário, ela utiliza avançadas tecnologias de limpeza para lavar as roupas.

A máquina de lavar denominada Eco Pod, que em tradução livre seria Casulo Ecológico foi premiado no “2011 Australian Design Award-James Dyson”. O projeto visa reduzir o consumo de água, tempo de lavagem, energia, diminuir o desgaste das roupas nas lavagens e resultar em uma qualidade melhor e destino da água utilizada.

O sistema proporciona um vapor com maior concentração de umidade. A máquina utiliza vapor “úmido” para lavar e vapor superaquecido “seco” para a secagem. As roupas podem ser classificados em três cestos ou em casulos, que acompanham a máquina, e são limpos em ciclos separados.

As roupas são agrupadas por tipo ou cores, como em uma máquina tradicional, e são colocadas em cestos ovais fechados que, por sua vez, são alojados em um tambor horizontal fixado na parede. Depois de cada ciclo completo, a roupa é retirada lavada e seca.

Na máquina ecológica não se faz uso de detergente ou amaciante, o que evita que a água cinza seja contaminada por resíduos químicos. Esta água sai do compartimento através de uma mangueira e pode ser usada diretamente para regar as plantas. O vapor, que é a forma pressurizada da água, é usado em menor quantidade do que seria usado em uma máquina de lavar roupas tradicional de 7 kg, que usa quase 66,7 litros por ciclo. Isso significa redução de 80% no consumo de água.

Além destas vantagens, a máquina é fabricada com materiais reciclados e recicláveis que não geram poluentes e nem oferecem custos excessivos de energia em sua produção. A previsão é de que o produto esteja à venda ainda em 2012.

Via: Ciclo Vivo

About these ads
Categorias: Tecnologia, Tecnologia Sustentável | Tags: , , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Tecnologia Sustentável – Nissan Leaf

Veja esse comercial como é interessante:

Imagine se todos os aparelhos elétricos funcionassem com motores à combustão. Essa é a proposta do comercial americano do Nissan Leaf (e notem como ele faz questão de lembrar que o Chevrolet Volt é “apenas” um híbrido). Mas esse não é o único assunto novo referente ao elétrico nipônico: Em São Paulo, o prefeito informou que planeja deixar elétrica parte da frota oficial da cidade até 2012.

Durante a Cúpula C40, evento que reúne prefeitos de grandes metrópoles para debater sobre as mudanças climáticas, que acontece até hoje em São Paulo, o prefeito Gilberto Kassab afirmou que até o fim do seu mandato (2012) quer que carros elétricos sejam integrados à frota da CET. Ainda há possibilidade de usar veículos elétricos também para secretarias municipais. A primeira a entrar nessa onda é a dos Transportes, que já está fazendo licitação para adquirir cerca de 50 carros elétricos.

Kassab já assinou um protocolo de intenções com a AES Eletropaulo e a Nissan. Um documento está sendo feito para avaliar onde serão feitos os primeiros postos de abastecimento dos carros elétricos.

O carro do ano já está rodando por ruas paulistanas, pois é o carro oficial do C40. Nos EUA, ele custa US$ 25.280,00 (esse valor já conta com o incentivo do governo Obama). Aqui, caso ele chegue por até R$60 mil, não seria tão ruim.

Fonte: Eco4planet

Categorias: Tecnologia, Tecnologia Sustentável | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Tecnologia Verde – Tênis Semente – Pode ser plantado para dar origem a árvore

A marca de calçados holandesa OAT apresentou na Amsterdam Fashion Week, que aconteceu entre 26 e 30 de janeiro, um modelo de tênis sustentável, que pode ser plantado para semear uma árvore. Feito com material biodegradável, os calçados da coleção Virgin possuem sementes embutidas em seu interior. A ideia é que as pessoas plantem o tênis usado, em vez de descartá-lo. O tecido que o reveste quebra-se com facilidade para dar origem às raízes da planta.
conceito foi bem recebido na semana de moda da capital holandesa e ganhou o segundo lugar na competição de moda verde. A OAT, fundada pelo designer Christiaan Maats, diz ter como objetivo fazer com que as pessoas se conectem ao ambiente de forma criativa.

Fonte: http://www.oatshoes.com/

Categorias: Papo Sério, Responsabilidade Ambiental, Tecnologia, Tecnologia Sustentável | Tags: , , , , , | 1 Comentário

Tecnologia Sustentável – Mouse Wireless verde

Navegando na internet, encontro um mouse muito legal, ele é sem fio e funciona “dando corda”, isso mesmo, como aqueles relógios antigos veja:

O Mouse é interessante para quem gosta de coisas novas, sustentáveis, e não abre mão da tecnologia e da originalidade.

Gostei demais, eu que não abro mão do mouse wireless e não gosto de gastar pilhas.

Você Pode ver mais Aqui

Categorias: Tecnologia, Tecnologia Sustentável | Tags: , , , , | 4 Comentários

Tecnologia Sustentável – Taiwan terá prédio verde do futuro

País asiático se prepara para construir o que deve ser seu mais novo ponto turístico: um edifício de 300 metros de altura projetado para ser uma “árvore tecnológica”.

Chamado de “Floating Observatories”, ou Observatórios Flutuantes, ele lembra um tronco repleto de plataformas com a forma de folhas.

O projeto foi vencedor de um concurso promovido pela cidade de Taichung, a terceira maior do país, chamado Taiwan Tower Conceptual International Competition.

A equipe vencedora desbancou outros 236 projetos de 25 países. Ela é formada por membros da Dorin Stefan Birou Arhitectura (DSBA), Upgrade.Studio e Mihai Cracium e foi liderada pelo arquiteto romeno Stefan Dorin. Além do prêmio de US$125 mil, o time terá verba cedida pela prefeitura de Taichung para construir o edifício que, embora bem menor do que o arranha-céu Taipei, com seus 508 metros de altura, deve se tornar um marco no país.

A construção deve começar em 2012 e durará apenas dois anos. O edifício terá um centro de informações, museu, escritórios, sala de conferências, deques fixos e em movimento para observação, restaurantes e estacionamento.

Cada um dos “elevadores” externos pode levar até 80 pessoas e será feito de materiais leves desenvolvidos pela industria espacial. Eles se movimentarão para cima e para baixo em um trilho vertical, serão sustentados por um forte campo magnético e elevados por balões de hélio.

O edifício foi inteiro projetado para minimizar os impactos ambientais durante e após a construção. Além de sistema de ventilação que diminuiu o uso de ar concidionado, há turbinas e células solares para gerar energia, fibras ópticas para iluminar as áreas subterrâneas e um coletor e purificador de água de chuva. Há ainda um sistema geotérmico para aquecimento da água que também será usado para manter a temperatura do edifício agradável no inverno.

Fonte: InfoOnline

Categorias: Papo Sério, Responsabilidade Ambiental, Tecnologia, Tecnologia Sustentável | Tags: , , , , , , , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com. O tema Adventure Journal.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 5.444 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: